CAPACITAÇÃO DOCENTE EM TEMPOS DE PANDEMIA

gamificação, flipped classroom e avaliação formativa no moodle

Autores

Resumo

Face a demanda para capacitação docente diante da pandemia de COVID-19, é mister que professores dominem ferramentas online sí­ncronas ou assí­ncronas, principalmente, aquelas que auxiliam no indicativo de presencialidade discente e favorecem a avaliação processual. Para tanto, apresenta-se o Moodle com abordagem de Sala de Aula Invertida e Gamificação, devidamente customizado com elementos de jogos e associado ao modelo de avaliação formativa Learning Vectors (LV). Esta pesquisa validou a métrica de avaliação Fator β do Modelo LV, tal métrica pode motivar os cursistas e gerar empoderamento. O LV implementado no Moodle também pode otimizar a carga de trabalho do professor no gerenciamento do curso, ao apresentar as notas das atividades (aspecto quantitativo), o Fator β (aspecto qualitativo) e o cômputo de faltas. Espera-se que professores possam reinventar a sua sala de aula e fazer o "Novo Normal" pedagógico.

Biografia do Autor

Gilvandenys Leite Sales

Phd em Tecnologias Educativas pela Universidade do Minho, Portugal. Doutor em Engenharia de Teleinformática pela - UFC.  Professor do Instituto Federal do Ceará – IFCE.

Bento Duarte Silva, Universidade do Minho - UMINHO

Professor Catedrático do Instituto de Educação da Universidade do Minho. Doutorado em Educação, na área da Tecnologia Educativa. 

José Alberto Lencastre

Doutor e Mestre em Educação. Professor e investigador no Instituto de Educação da Universidade do Minho. 

Downloads

Publicado

2022-02-16

Como Citar

Gilvandenys Leite Sales, Bento Duarte Silva, & José Alberto Lencastre. (2022). CAPACITAÇÃO DOCENTE EM TEMPOS DE PANDEMIA: gamificação, flipped classroom e avaliação formativa no moodle. Revista Eletrônica Cientí­fica Ensino Interdisciplinar, 8(25). Recuperado de http://periodicos.apps.uern.br/index.php/RECEI/article/view/3844